Facebook se desculpa por inflar números de visualização de vídeos

20160518095412_660_420

Carolyn Everson, diretora de anúncios do Facebook, se desculpou na última sexta-feira, 23, por erros na métrica de visualização de vídeos na rede social. Everson admitiu que a empresa errou na contabilização, o que trouxe resultados “inflados”.

Na semana passada, o Wall Street afirmou que a rede social tinha exagerado na métrica em 80% por mais de dois anos. Isso aconteceu porque a empresa usava dois critérios diferentes: o primeiro, para contabilizar o número de visualizações, levava em conta qualquer vídeo assistido por três segundos. O segundo, para contabilizar o tempo médio gasto pelos usuários, levava em conta apenas vídeos vistos por mais de três segundos.

A diretora afirmou que a empresa errou em não reconhecer prontamente o problema. “Nós deveríamos ter dito em público que encontramos esse erro há um mês e fizemos a correção”, explica.

“Embora este seja apenas uma das muitas métricas que os profissionais de marketing analisam, levamos qualquer erro a sério”, afirmou David Fischer, vice-presidente de negócios e parceria de marketing do Facebook.

Fonte: Olhar Digital